Venderias a tua alma ao Dianho?

Essa é a pergunta que fai Richard Wiseman na última entrada do seu blog. A pergunta é muito simples e tem como intençom final estudar até que ponto o contexto religioso e mitológico no que vivemos afeita em temas que racionalmente som claros. Assim que ante esta frase:

Eu ___________________ concordo com que após o meu passamento o dianho fique com a minha alma para a sua condena eterna.

Eu evidentemente concordo. Segundo o 99,9% das religions que acreditam numha condenaçom depois da morte eu já estou perdido, assim que… . E por cada deus que podam imaginar que condenaria a minha alma eu podo imaginar outro que, nalgumha lógica divina incomprensível, considerará isso passo fundamental para a salvaçom. E vocês? Assinariam? De ser sim a resposta, que sentimentos tenhem depois de fazê-lo? E de ser nom, porquê?

  • By Sak, Febreiro 8, 2010 @ 4:38 p.m.

    O meu jeito de entender o agnosticismo fai que eu nunca assinara isso.

  • By Shea, Febreiro 9, 2010 @ 2:21 p.m.

    Eu nunca faría tal… ou alomenos non a cambio de nada, se non teño almo ou non existe ou como o queiras chamar, serei un desalmado mais proferiría non tornarme tamén un estafador, ou se así o fixese, de estafar a alguén estafaría a alguén existente (supoñendo de base que se non existen as almas tampouco o diaño)

  • By Galegoman, Febreiro 20, 2010 @ 4:35 a.m.

    Que pouca visom de negócio 😛 Eu vendo-lha, e se quer também lhe vendo o biosbardo que tenho de animal-de-estimação, bisnis is bisnis 😀

Other Links to this Post